Início > aumento salarial no Japão, economia do Japão, empresas japonesas > Maior sindicato do Japão reivindica aumento salarial para 2015

Maior sindicato do Japão reivindica aumento salarial para 2015

aumento salarial
A maior confederação de sindicatos trabalhistas do Japão, Rengo, informou que reivindicará aumento salarial de, no mínimo, 2% para 2015 acompanhando as medidas do Governo para aumentar os impostos no país. Segundo a entidade em informações divulgadas pela agência Efe, o objetivo da reclamação é manter o nível de vida dos trabalhadores após o aumento do imposto sobre consumo de 5% para 8% em abril deste ano.

O governo japonês planeja um novo aumento para 10% a partir de outubro de 2015 e vem insistindo para as empresas aumentarem os salários dos funcionários para evitar uma desaceleração da economia. Nobuaki Koga, presidente da Rengo, afirmou que a classe trabalhadora “necessita do aumento de salário para que o consumo não seja afetado pelo aumento dos preços”.

A solicitação também é apoiada pela principal confederação patronal do Japão, Keindanren, que, pela primeira vez em seis anos, defendeu o aumento dos salários e justificou como consequência da recuperação da economia.

O aumento salarial é um fator chave no programa econômico do governo japonês que visa criar um círculo de crescimento nos lucros das empresas, salários e consumo, que respondem por 60% do PIB, para por fim a um ciclo deflacionário de aproximadamente 15 anos.
Fonte: IPC Digital

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: