Início > Uncategorized > Produção industrial no Japão cresce 0,2% em março

Produção industrial no Japão cresce 0,2% em março

Indicador mostra "sinais de recuperação moderada"

O índice de produção industrial no Japão cresceu 0,2% em março em relação a fevereiro, registrando alta pelo quarto mês consecutivo, e mostra "sinais de recuperação moderada", segundo o relatório preliminar apresentado nesta terça-feira pelo Ministério da Economia. O aumento contrastou com a queda de 7,3% da produção industrial em março com relação ao mesmo mês do ano anterior.

As indústrias que mais contribuíram para a alta foram as de produtos químicos, excluindo remédios, componentes eletrônicos e aparelhos, assim como o de equipamentos elétricos de informação e comunicação. O Ministério da Economia, Comércio e Indústria espera que a produção industrial aumente em abril 0,8%, enquanto estima uma queda de 0,3% em maio, após a pesquisa realizada nas principais empresas japonesas.

Deste modo, espera-se que em abril contribuam de maneira decisiva para o aumento os setores de equipamento de transporte, equipamento geral e o papeleiro. Já para maio, a expectativa é de que a queda seja motivada pelo retrocesso dos setores de equipamento de transporte, metalúrgico e químico, segundo o relatório preliminar.

A produção industrial, que mede o ritmo das fábricas japonesas, é considerada essencial para antecipar o desempenho da economia do país, altamente dependente do setor manufatureiro.
Fonte: IPC Digital com Efe

Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: